porque ela sonha com um jardim

eu precisava fazer rabiscos verdes por cima do branco,

linhas curvas avermelhadas por entre o azul,

e aí eu fiz

mas sumiu.

o meu jardim não quis ficar no céu.

(des)atado caiu aqui no chão.

e teima,

quer apoiar a sola do teu pé,

quer ser canto de paz em meio a tuas andanças.

o dedo-Deus tocou o dedo d’eu

e eu amo,

amamos fazer rascunhos,

te ver sorrir.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s