E eu, tive medo de não te amar

Lembro-me como se fosse hoje,

um turbilhão dentro de mim.

Parece que dez anos da minha vida

resolveram acontecer naqueles meses.

Olhos úmidos … só de lembrar.

Primeiramente, só.

Nem Deus eu queria por perto.

Depois, não tive como,

precisei chamá-Lo.

E é claro,

Ele trouxe junto

tanta gente.

Só que toda essa gente,

não era suficiente

pra me fazer pensar diferente.

De mãos dadas com meu Amor,

e o sorriso de uma Princesa,

cri que juntos conseguiríamos.

E te contei.

Você acreditou.

Assim, com apenas um impulso

você voou …

Um Super Homem !

Força e leveza.

O que você tinha dividiu comigo.

E eu,

ainda tive medo de não te amar (risos).

Gerusa Pedreira e Silva

Anúncios

4 comentários sobre “E eu, tive medo de não te amar

  1. Ge,querida!

    Simplesmente lindo! Mescla de fragilidade e coragem! Fragilidade pelo momento especial e coragem para ajudá-lo a voar … bjoooooo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s